Campanha da fraternidade 2016

Written by  //  16 de fevereiro de 2016  //  Formação, Formação Católica  //  No comments

campanha_da_fraternidade_-_2016

Tema: “Casa comum, nossa responsabilidade”
Lema: “Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca” (Am 5, 24).

Queridos amigos, que a paz de Jesus e as virtudes e práticas amorosas de Maria esteja em cada um de vocês.

Por graça de Deus desde que conhecemos O conhecemos e O assumimos em nossa vida, todo início de ano é igual, logo no primeiro dia do ano participamos das confraternizações com a festa da paz mundial (01/01), em seguida, muitos ainda de férias, aproveitam o forte calor que emana em nossa região para ir para a praia, sair com os amigos, enfim se divertir. E o assunto durante as férias não podia ser outro se não: Retiro de Carnaval.

Agora, passado este tempo maravilhoso de férias e retiro de carnaval, adentramos na quaresma, tempo de reflexão e oração. Mas acontece que, a quaresma para a Igreja no Brasil, vem acompanhada da Campanha da fraternidade, por isso, como bons cristãos que somos, devemos estar atentos ao que nos pede a Santa Igreja neste tempo.

Mas, afinal, como surgiu é a campanha da fraternidade?

¹ A história da Campanha da Fraternidade teve origem alguns anos antes do início do Concílio Ecumênico Vaticano II, quando um pequeno grupo de padres recém-ordenados, sob a coordenação de Dom Eugenio Sales, reunia-se em Natal, cada mês, para rezar e refletir sobre a Igreja e a Pastoral. Daí surgiram várias iniciativas postas em prática, com sucesso.

² Foi na cidade de Nísia Floresta que surgiu o embrião da Campanha da Fraternidade. Caminhadas a pé, de casa em casa, de rua em rua, de povoado em povoado. Quase paralelamente às marchas, foram criadas as Semanas da Fraternidade. Eram doados ovos, galinhas, hortaliças frutas e o resultado comercializado numa feira cuja renda tinha como finalidade a compra de colchões, redes, dentre outras coisas, para as famílias pobres espalhadas em treze comunidades ligadas ao município.

A partir deste pequeno grupo de Padres Profetas, sensíveis aos apelos do povo, a campanha da fraternidade tomou grandes proporções e todos os anos nos um tema para refletir e agir em favor de uma sociedade mais humana, justa e fraterna.

De modo especial, neste ano, a campanha nos provoca a pensar sobre a “Casa comum, nossa responsabilidade”, colocando em evidência necessidade de uma vida digna para todos Brasileiros.

O grande e principal objetivo é garantir o direito ao saneamento básico para todas as pessoas e sermos profetas, à luz da fé, em busca de políticas públicas e atitudes cotidianas responsáveis que garantam a integridade e o futuro do nosso planeta, que é nossa Casa Comum. ”

Você sábia?
³ Que no Brasil mais 13 milhões de pessoas não possuem banheiro em casa; país é 9° em “ranking mundial da vergonha”;
**** 40 milhões de brasileiros não tem acesso à água tratada.
***** Que mais de 78 milhões de brasileiros, ou 38,5% da população, não têm acesso a serviços de tratamento e destinação adequada de resíduos sólidos. Além disso, mais de 20 milhões de pessoas não dispõem de coleta regular de lixo, pois cerca de 10% dos materiais gerados não são recolhidos. O volume de lixo produzido aumentou 2,9%, entre 2013 e 2014.

Com o tema da Campanha deste ano, fica claro, que a Igreja do Brasil está com o Papa Francisco que em sua última encíclica, Laudato si, frisou tanto sobre o cuidado da casa comum. É interessante perceber que essa edição da Campanha da Fraternidade foi construída de em unidade a outras denominações cristãs e com a Igreja católica na Alemanha, ou seja, é uma Campanha Ecumênica. Independente das crenças particulares, há uma missão em comum: cuidar de nossa casa comum e evidenciar a dignidade humana.

Por isso, cada um de nós, precisamos estar abertos e dispostos a comprometer-se com as propostas que certamente surgirão com a Campanha da Fraternidade. E como bem sabemos, nossa oração ganha força quando a colocamos em prática, ou seja, é preciso rezar sobre o tema e sobre o lema, participar dos encontros de formação buscando ter um entendimento maior sobre o assunto.

Que ao nos aprofundarmos nessa Campanha da Fraternidade, estejamos assim, mais perto de Jesus que vive nos irmãos mais necessitados.
Cristo vive!

Com estima e apreço,
Maikel Ronqui

Servos de Deus – Comunicação Social

¹ ² Fonte: http://domeugeniosales.webnode.com.br/origem-da-campanha-da-fraternidade/
³ http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2010/07/27/no-brasil-13-milhoes-de-pessoas-nao-possuem-banheiro-em-casa-pais-e-9-em-ranking-mundial-da-vergonha.htm
**** http://caritas.org.br/40-milhoes-de-brasileiros-nao-tem-acesso-a-agua-tratada/25061
***** http://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2015-07/producao-de-lixo-no-pais-cresce-29-em-11-anos-mostra-pesquisa-da-abrelpe

Leave a Comment

comm comm comm